COTIDIANO

São Paulo perdeu quase 2,5 mil árvores com tempestades de verão, diz Defesa Civil Municipal

Prefeitura já pagou mais de R$ 200 mil em indenizações para donos de carros atingidos por galhos e troncos, nos últimos dois anos

Publicado às 10h

G1 São Paulo

Desde o início do ano, São Paulo perdeu quase 2,5 mil árvores. A cidade perdeu 37 por dia com as tempestades de verão, segundo a Defesa Civil Municipal. E a prefeitura já pagou mais de R$ 200 mil em indenizações para donos de carros atingidos por galhos e troncos, nos últimos dois anos.

Em janeiro, 1.185 árvores caíram em São Paulo. Em fevereiro, 1.034. E em março, 209. No total, são 2.428 árvores a menos nos 64 primeiros dias do ano. Cada árvore que cai deixa um prejuízo ambiental para nossa cidade que tanto precisa de verde. E, também um prejuízo financeiro.

A Prefeitura de São Paulo informou que avalia diariamente as condições das árvores da cidade. E que no ano passado, podou quase 900 mil árvores e removeu mais de 11 mil.

Por conta de tantas quedas de árvores, não é possível afirmar com certeza quantas árvores existem em São Paulo. Alguns levantamentos falam em 600 mil, outros em dois milhões de árvores. E logo é possível ver o problema, quando árvores vão perdendo os galhos, oferecendo risco para quem passa.

Um morador da Brasilândia, na Zona Norte, quase morreu nesta quinta-feira (7) por causa da queda de uma árvore de grande. A casa da vítima foi atingida depois da chuva forte. Segundo os bombeiros, a vítima sofreu uma parada cardiorrespiratória, mas foi reanimada. Os bombeiros dizem também que só nesta quinta-feira, 110 árvores caíram em São Paulo.

Em uma caminhada curta com um botânico pelo Alto de Pinheiros, um dos bairros mais verdes da cidade, encontramos o toco de uma arvore que caiu, oca e que está servindo como lata de lixo E restos de galhos na fiação sobre a cabeça de quem vai para o ponto de ônibus.

“Se houvesse uma manutenção periódica, vamos supor, a cada quatro meses uma equipe da prefeitura vem acompanhar a arborização, eles teriam podado o galho ainda pequeno, antes dele abraçar o fio e gerar todo esse problema. Mas o pior, eles largaram o galho no fio. Ou seja, é uma bomba esperando alguém ser premiado”, disse o botânico Ricardo Cardim.

Setenta motoristas abriram processos contra a Prefeitura de São Paulo por causa da queda de galhos ou árvores inteiras em cima de veículos nos últimos dois anos. Vinte e seis foram atendidos, dezesseis casos ainda estão em análise e 27 foram negados.

Folha Noroeste

Somos o maior prestador da região Noroeste, com mais de 100 mil exemplares impressos a Folha do Noroeste tem se destacado pelo seu comprometimento com a Noticia e tem ajudado a milhares de pessoas a divulgar os problemas do cotidiano de nosso bairro.

Adicione Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .

Video

Uniquely strategize progressive markets rather than frictionless manufactured products. Collaboratively engineer reliable.

Flickr

  • Eva
  • Fall mantra
  • Outsights
  • sneaker
  • Intempérils!
  • Oscars
  • Aida
  • back duo
  • trio xxi