REGIONAL

Hospital do Mandaqui tem problemas na infraestrutura, improvisa leitos e atende pacientes no corredor

Ao menos 15 pacientes estavam em macas nos corredores do hospital. Segundo diretor do Mandaqui, houve evolução no atendimento

Publicado às 10h

G1 São Paulo

Pacientes do Hospital do Mandaqui, na Zona Norte de São Paulo, estão sendo atendidos no corredor e leitos estão sendo improvisados. A produção do Bom Dia SP visitou as instalações e viu, pelo menos, 15 pessoas recebendo acolhimento nos corredores da instituição.

O diretor do hospital, Marcelo Barletta, afirma que os problemas no atendimento, especialmente sobre as macas no corredor, estão na dificuldade em lidar com a demanda da população.

“O Mandaqui atende 20 mil pacientes mensais, 9 mil no pronto-socorro e 11 mil no ambulatório. Como nós atendemos pacientes primários e complexos, há uma sobrecarga no atendimento. Por ser um pronto-socorro, em um ou outro momento, eles ficam em observação [no corredor] para que ele seja internado ou receba alta” disse Barletta.

A falta de manutenção é outra característica do hospital. Equipamentos de leitos, elevadores e aparelhos de ar-condicionado estão quebrados.

Sobre esse problema, o diretor do Hospital do Mandaqui afirmou que o profissional responsável pela manutenção foi substituído e que novos aparelhos de ar-condicionado chegarão à instituição.

“No dia 10 [de maio], sendo identificados problemas na infraestrutura e na engenharia clínica, foi realizada a troca pelo responsável, um novo engenheiro foi indicado e aguarda nomeação. No dia 15 [de maio], solicitamos a troca dos aparelhos de ar-condicionado, vamos comprar 24 novos aparelhos” relatou Marcelo Barletta.

Mesmos problemas há 3 meses

Em fevereiro, a reportagem do Bom Dia SP acompanhou problemas semelhantes. Na época, a falta de manutenção também existia e, pelo menos, 20 pacientes estavam sob observação nos corredores do hospital. O diretor do Mandaqui afirmou que houve evolução.

“Nesta reportagem [de três meses antes], vocês falaram que haviam 20 macas, nesta agora são 15 macas. Há um movimento de gestão para tentar equacionar esse problema no atendimento, que é muito grande”, disse.

‘Reorganização no atendimento’

O responsável pelo Hospital do Mandaqui falou que não está satisfeito com o atendimento. Ele afirmou que está sendo estudada uma “reorganização no atendimento” da população da Zona Norte.

“Direcionar os pacientes menos complexos para locais de menor complexidade para AMAs e UBSs. Há um trabalho insistente para equacionar esse problema”.

Leito improvisado no Hospital do Mandaqui, na Zona Norte. Foto: Reprodução/TV Globo

Folha Noroeste

Somos o maior prestador da região Noroeste, com mais de 100 mil exemplares impressos a Folha do Noroeste tem se destacado pelo seu comprometimento com a Noticia e tem ajudado a milhares de pessoas a divulgar os problemas do cotidiano de nosso bairro.

Adicione Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .

Video

Uniquely strategize progressive markets rather than frictionless manufactured products. Collaboratively engineer reliable.

Flickr

  • Inglorious
  • Campidoglio
  • MAXXI
  • Fasanen butterfly
  • Xiomara dedicating her book "Warten auf den Regenbogen" (teNeues, 2024)
  • Xiomara duo
  • Xiomara
  • History
  • Minotaure