REGIONAL

Lapa é alvo de programa da Prefeitura para distribuição de refeições à população de rua

Publicado em 03/04, às 10h40

Por Priscila Perez

Com o delivery, o paulistano tem se virado para abastecer a despensa e se alimentar sem precisar sair de casa, evitando aglomerações e o contágio pelo coronavírus. Mas para o morador de rua, mais vulnerável às intempéries da pandemia, a realidade é mais dura e menos segura. Se antes da Covid-19, muitos padeciam nas ruas da capital, agora todos eles vivem expostos à doença e sem acesso a comércios, que estão fechados durante a quarentena. Nesta nova realidade, alimentar-se virou um desafio.

Morador de rua no centro de São Paulo. Foto: Reprodução/Marlene Bergamo/Folhapress.

Diante desta situação, a Prefeitura de São Paulo pretende distribuir refeições à população em situação de rua com a ajuda de pequenos restaurantes, que também serão beneficiados com a geração de renda. Trata-se aqui do projeto “Rede Cozinha Cidadã”, liderado pela Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania, cujo chamamento público foi aberto no dia 1° de abril. Segundo a administração municipal, a ideia é que esses estabelecimentos prestem serviço de fornecimento de refeições à população de rua, com entrega em pontos fixos predefinidos. A ação estará em vigor enquanto durar o período de emergência. “Estamos em contato com os chefs e donos de restaurantes parceiros do Observatório da Gastronomia (colegiado da própria secretaria) divulgando o projeto, que pode ser crucial para a sobrevivência de estabelecimentos gastronômicos em São Paulo”, destaca a secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho da cidade, Aline Cardoso.

Bairro beneficiados

Uma das regiões que mais concentra moradores de rua na capital é a Lapa. Por isso, kits com marmitas, água e folheto educativo sobre a Covid-19 deverão ser entregues no território da Subprefeitura Lapa durante a quarentena. Sé, Moóca, Santo Amaro, Vila Mariana, Santana e Pinheiros também estão no radar da Prefeitura. A operação será acompanhada pela Guarda Civil Metropolitana (GCM), que cuidará da segurança e distribuição. Já a limpeza ficará a cargo das regionais contempladas.

Barracas improvisadas no canteiro central da Avenida Gastão Vidigal. Foto: Reprodução/Estadão.

Para participar e tirar dúvidas, o comércio interessado deve entrar em contato pelo e-mail cafsmdhc@prefeitura.sp.gov.br.

 

Folha Noroeste

Somos o maior prestador da região Noroeste, com mais de 100 mil exemplares impressos a Folha do Noroeste tem se destacado pelo seu comprometimento com a Noticia e tem ajudado a milhares de pessoas a divulgar os problemas do cotidiano de nosso bairro.

Adicione Comentário

Clique aqui para postar um comentário

Instagram

Instagram has returned empty data. Please authorize your Instagram account in the plugin settings .

Video

Uniquely strategize progressive markets rather than frictionless manufactured products. Collaboratively engineer reliable.

Flickr

  • Garden-party
  • Marco
  • Poline
  • Fête nationale
  • Brandenburg Concerto (Wendy Carlos)
  • Maggie ##
  • Maggie #
  • Maggie
  • Les raisins à l'envi